Leiturinha: Simon vs. a agenda homo sapiens

O
que dizer desse livro?! Apaixonante e envolvente! comecei a ler esse livro no
domingo (2) mais só cheguei a ler o primeiro capitulo, então como no dia
seguinte era feriado aqui onde moro, resolvi que iria ler pelo menos metade do
livro, mais me envolvi tanto com a história do Simon, Blue e seus amigos que
terminei de ler o livro no feriado mesmo!

Sinopse:
Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um
drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da
escola, descobre uma troca de e-mails entre Simon e um garoto misterioso que se
identifica como Blue e que a cada dia faz o coração de Simon bater mais forte. 
Martin começa a chantageá-lo, e, se Simon não ceder, seu segredo cairá na
boca de todos. Pior: sua relação com Blue poderá chegar ao fim, antes mesmo de
começar. 
Agora, o adolescente avesso a mudanças precisará encontrar uma forma de
sair de sua zona de conforto e dar uma chance à felicidade ao lado do menino
mais confuso e encantador que ele já conheceu.
Uma história que trata com naturalidade e bom humor de questões delicadas,
explorando a difícil tarefa que é amadurecer e as mudanças e os dilemas pelos
quais todos nós, adolescentes ou não, precisamos enfrentar para nos
encontrarmos.

A autora aborda de uma forma fofa e leve questões relacionadas ao
preconceito seja ele racial ou a sexualidade e também o bullying, com uma
escrita leve e jovem conhecemos Simon, um garoto de dezessete anos e já a algum
tempo descobriu que é gay, mais ele não sabe como assumir para os pais e os
amigos, ele não tem medo de não ser amado por eles, pois ele sabe que o amarão
de todo as formas, o que ele não entende é por que um homossexual tem que se
assumir publicamente, sua orientação sexual, enquanto que um hétero não
precisa. 

O livro gira em torno de trocas de e-mails entre Simon e um garoto
que denomina Blue (eles se comunicam com nicknames, nomes “falsos”, o de
Simon é Jacques), ambos são da mesma escola e turma, Simon se interessa por ele
por conta de uma publicação no Tumblr da escola e ele toma a iniciativa e entra
em contato com ele, eles trocam e-mails todos os dias, falam sobre a
sexualidade deles e de tomar coragem e sair do armário para os pais e amigos.  

O laço entre os dois vai crescendo aos poucos, passando de
amizade para algo cada vez mais envolvente e apaixonante. O único problema é
que eles não se sentem seguros para marcar um encontro cara a cara, ainda mais
agora que Simon está sendo chantageado na escola por alguém que viu seus
e-mails com Blue, seu amigo secreto. Ai já viu né, entre sair do armário, ter
um possível namorado virtual, ter que enfrentar o mundo e os valentões do
colégio, e ter que lidar com suas inseguranças, podemos dizer que a vida de Simon
está uma confusão danada. Mas isso só significa que é ainda mais incrível
acompanhar ele lutando por suas convicções e sonhos.

Todos
os personagens são muito bem desenvolvidos. Em especial, os amigos de Simon,
Nick, Leah e Abby e as irmãs dele, todos com personalidades bem distintas e
suas próprias histórias, que se entrelaçam com a trama principal. A coisa é
feita tão bem que até um triângulo amoroso entre os amigos, pelo fato de Leah
gostar de Nick que por sua vez gosta de Abby, é tratado com sensibilidade e não
faz o leitor querer se matar. Apesar de Leah morrer de ciúmes de Abby, a coisa
não vira um ódio entre garotas.

Até
Martin, o garoto que o está chantageando, passa por um processo de crescimento
ao longo do livro. Simon lida não só com a questão da sexualidade e o
relacionamento com Blue, mas também passa por alguns dilemas nas relações com
os amigos, e com os pais, que apesar de serem bem “modernos” nem sempre sabem
se comunicar com o filho adolescente.

A
história se lê um pouco como um filme americano, porque têm todos aqueles
típicos elementos do high school: líderes de torcida, futebol americano,
aula de teatro, adolescentes de 17 anos guiando carros por aí (coisa que nunca
entendi direito, eles tem muita liberdade assim lá na gringa?). Também há uma
série de referências à cultura pop, desde a música até fanfiction de Harry
Potter, que é uma paixão do Simon!, que tornam o livro bem contemporâneo e
fazem os personagens realmente parecer pessoas reais.

O
desenrolar do romance entre Simon e Blue é uma fofura, você se apega tanto a
eles que fica na torcida para se encontrarem logo e fica tentando descobrir
quem danado é o Blue, e no final tanto o Simon quanto você se surpreende ao
descobrir quem ele é!

É
uma leitura linda de descoberta que vale a pena ler, principalmente o público
jovem que está se descobrindo agora!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s