Leiturinha: Carta de Amor aos Mortos – Ava Dellaira

20170111_071801

Sinopse: Tudo começa com uma tarefa para a escola: escrever uma carta para alguém que já morreu. Logo o caderno de Laurel está repleto de mensagens para Kurt Cobain, Janis Joplin, Amy Winehouse, Heath Ledger, Judy Garland, Elizabeth Bishop… apesar de ela jamais entregá-las à professora. Nessas cartas, ela analisa a história de cada uma dessas personalidades e tenta desvendar os mistérios que envolvem suas mortes. Ao mesmo tempo, conta sobre sua própria vida, como as amizades no novo colégio e seu primeiro amor: um garoto misterioso chamado Sky. Mas Laurel não pode escapar de seu passado. Só quando ela escrever a verdade sobre o que se passou com ela e com a irmã é que poderá aceitar o que aconteceu e perdoar May e a si mesma. E só quando enxergar a irmã como realmente era — encantadora e incrível, mas imperfeita como qualquer um — é que poderá seguir em frente e descobrir seu próprio caminho.

20170111_071855

Quando você perde uma pessoa querida é bem ruim, mas perder uma pessoa bem próxima a você, como um irmão/irmã, é bem pior, é isso o que acontece com Laurel, no livro Cartas de Amor aos Mortos, ela perde sua irmã, May, de uma forma bem trágica, por isso ela decide mudar de escola, para não ter sobre si olhares de pena e compaixão. Logo no primeiro dia de aula ela recebe uma tarefa, na aula de inglês, escrever uma carta para alguém que já morreu.

Laurel resolve escrever para um de seus ídolos o cantor Kurt Cobain, vocalista da banda Nirvana. A carta sai tão pessoal que ela resolve não entregar, e com isso ela passa a escrever quase que diariamente várias cartas para seus ídolos, é assim que a escrita se desenvolve, em vez de ser uma história corrida nos deparamos com as cartas de Laurel que descrevem seu dia-a-dia, suas inseguranças, seus medos, frustrações, a amizade e paixão.

20170111_071916

O livro nos mostra como Laurel e sua família tentam “superar” a perda, sua mãe se muda para a Califórnia com a desculpa de que precisa de um tempo, o pai se fecha e mergulha no trabalho e a própria Laurel se nega a falar sobre a irmã e tenta a todo custo ser mais como ela, ou como ela acha que a irmã era.

Ao longo da leitura se percebe o quanto a Laurel está perdida, com raiva e dor, mais vemos também a superação dela e como ela finalmente ver que está perdida e sem rumo, assim se encontrando.

20170105_163950

Cartas de Amor aos Mortos é um livro fofo e cheio de significado, ele nos mostra o quão dificil é nos encontrarmos e ser nós mesmos, sem medo de julgamentos, o livro mostra também o longo caminho da superação da perda.

Amei ler esse livro, com uma linguagem fácil e de rápida compreensão você se ver sentindo várias emoções ao longo da leitura, super recomendo a leitura desse livro! 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s